O jornalista Mauro Naves, afastado da Rede Globo após envolvimento no caso Neymar, é suspeito de ser sócio do advogado José Edgar Bueno Filho, primeiro a defender Najila Trindrade, modelo que acusa o jogador de estupro. Segundo o UOL, ele teria ajudado Bueno a entrar em contato com a equipe do atacante, para tentar um acordo que evitasse as acusações.

De acordo com o colunista Daniel Filho, do Notícias da TV, um dos executivos teria revelado “ligações perigosas” de Mauro Naves com figuras do mundo do esporte, como Andrés Sanches, presidente do Corinthians, e o próprio Neymar Jr.

Em 2014, o perfil do Paris 6 compartilhou uma foto de Mauro Naves ao lado de Isaac Azar, sócio de Bueno na empresa H1 Restaurantes e Participações S/A, celebrando o “contrato assinado”. “AGORA É OFICIAL!! Contratado assinado!! Bem-vindo, Mauro Naves ao futuro e em breve novo P6”, diz legenda do post. A denúncia foi feita pelo Blog do Paulinho, no último domingo (9).

A unidade do Paris 6, entretanto, só foi inaugurada três anos depois. A Globo agora quer saber qual o envolvimento de Mauro Naves com a sociedade do restaurante e com o advogado Bueno Filho.

Afastado da cobertura da Copa América, Mauro Naves está na geladeira da emissora. Em nota, William Bonner comunicou durante o Jornal Nacional, que o repórter foi temporariamente afastado por dar o número de telefone de Neymar da Silva Santos, pai do jogador do PSG e seleção brasileira, ao advogado de Najila Trindade.

A revelação da sociedade, contudo, aponta para uma participação maior de Mauro Naves na tentativa de um acordo entre as partes, o que seria contra a política da Rede Globo.

Zero Hora News (A informação que faz a diferença)