Reaberta no ano passado, a denúncia da ex-modelo americana Kathryn Mayorga contra o jogador Cristiano Ronaldo, por suposto estupro, foi retirada, segundo a agência Bloomberg.

Não há informações sobre um possível acordo financeiro entre as partes.

De acordo com o veículo, o pedido de retirada da denúncia foi apresentado no último mês no estado em Las Vegas, no estado americano de Nevada.

Na ação, a ex-modelo dizia que o português cometeu o estupro em junho de 2009 em um quarto de hotel, após ela recusar suas investidas e tentar se proteger. Cristiano Ronaldo sempre negou as acusações.

Em janeiro, a polícia de Las Vegas solicitou às autoridades italianas uma mostra de DNA do acusado.

Atual clube do jogador, a Juventus informou em março que a pré-temporada do time para a próxima temporada será realizada na Ásia, e não nos Estados Unidos, como nos dois últimos anos.

Zero Hora News (A informação que faz a diferença)