Rússia - O jogo entre Rússia e Arábia Saudita vai entrar para a história do futebol, independentemente do resultado. Será a primeira partida de uma Copa a ter o recurso da video-arbitragem (VAR, na sigla em inglês). O sistema já é utilizado nas principais ligas do mundo e foi testado repetidamente no último ano para que tudo ocorra dentro do planejado na Rússia.

"Estamos preparados, sabemos que temos que estar prontos porque aqui não há margem para fazermos mais experiências", garantiu o diretor de arbitragem da Fifa, o suíço Massimo Busacca.

Ex-árbitro, Busacca disse que os problemas verificados no passado, incluindo os relativos ao tempo necessário para a tomada da decisão, podem melhorar, comparando a situação a de uma seleção que chega para a Copa: "Nenhuma equipe chega ao Mundial em perfeito estado. Também é assim conosco. Sabemos que é preciso melhorar."

O auxílio do vídeo pode ser utilizado pelos árbitros em quatro situações de jogo: após um gol (para confirmar se não houve alguma irregularidade no lance), em jogada de pênalti, para expulsão direta ou para identificar um jogador para aplicar o cartão amarelo.

Na central de TV, cada jogo contará com um árbitro assistente principal e três auxiliares. Os estádios terão 33 câmeras, sendo duas especificamente para impedimentos.

Zero Hora News(A informação que faz a diferença) informações odia